Parem as máquinas!

Vão dizer de novo que estou compactuando com a ideia de controle da mídia, mas certas notícias deveriam ser proibidas na semana do Natal. Exemplo: "A ex-BBB Pri retocou a tatuagem de diabinha no bumbum." Francamente, né não? Mais respeito com o nascimento de Jesus, caramba!

Tutty Vasques, O Estado de S.Paulo

25 Dezembro 2010 | 00h00

Como renovar esperanças na humanidade lendo nos jornais que o príncipe Frederic Von Anhalt, marido da atriz Zsa Zsa Gabor, pingou nos olhos, em vez de colírio, cola de unha postiça?

Fala sério! A gente aqui, no maior esforço espiritual para acreditar no ser humano, e vem a imprensa ressalvar que uma mulher no Japão está tentando pegar uma grana do Google Street View, alegando "estresse psicológico" decorrente da exibição online de suas roupas íntimas penduradas no varal. Pode?

Será que as editorias de Ciência não podiam deixar pra semana que vem o anúncio mundial do desenvolvimento em laboratório de um camundongo geneticamente modificado que canta feito passarinho?Só falta o WikiLeaks deixar vazar hoje à noite documentos confidenciais da diplomacia americana sobre a existência de Papai Noel. Seja como for, não acredite em tudo que os jornais publicam.

Feliz Natal! - é o que importa no momento.

Mulheres de Chico

Só para que ninguém se perca no universo feminino de Chico Buarque, Ana de Hollanda é uma; Anna de Amsterdam, outra. A irmã que virou ministra não tem nada a ver com a personagem de Calabar, musical que o artista escreveu com Ruy Guerra.

Eu, hein!

Que diabos está acontecendo com os chatos do Brasil? 2010 está quase acabando e não se escuta ninguém discutindo se os anos 10 começam em janeiro próximo ou já estão em vigor há 1 ano!

Nicho de mercado

Entre os produtos de beleza e de higiene pessoal que a Bombril passará a produzir em 2011, parece que tem uma palha de aço ótima para cara de pau. Só se falava disso em Brasília antes do recesso de Natal!

A conferir

Corre na TV Globo boato de que, no embalo de Larry King, considerado o rei do talk show nos EUA, Jô Soares também estaria encerrando sua carreira de entrevistador em 2011.

Negócio da China

Já tem ambulante brasileiro guardando dinheiro para embarcar pro Catar em 2022. Imagina o lucro de um vendedor de cerveja num país em que a bebida alcoólica é proibida.

Boletim médico

As dores da bursite, que tanto atormentaram Lula às vésperas de sua posse em 2003, voltaram a dar sinais de que descerão a rampa com ele no primeiro dia de 2011. O poder, no caso, foi um santo remédio. "Pena que está acabando!", lamentam os médicos do presidente.

Fim do Mundo News

O crescimento econômico da China atingiu neste finalzinho de ano a impressionante marca dos 130 veículos envolvidos num único acidente de trânsito. O Brasil ainda não chegou lá, mas está a caminho!

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.