Paraguaio é preso por morte de boliviano

O alfaiate boliviano Wilfredo Rodrigues Chambi, de 26 anos, morreu após reagir a um assalto na saída de uma danceteria do Pari, região central de São Paulo, anteontem. Dois amigos dele também foram esfaqueados e permanecem internados. A Polícia Militar foi acionada e encontrou um grupo de pessoas segurando um costureiro paraguaio de 20 anos, acusado de ser um dos cinco assaltantes. O paraguaio, que não teve o nome revelado, confessou que ele e mais quatro amigos tentaram roubar os três bolivianos.

, O Estado de S.Paulo

19 Julho 2011 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.