Para reduzir conflitos, praça terá sinalização

Na tarde de ontem, o subprefeito da Sé, Marcos Barreto, se reuniu na Praça Roosevelt, no centro da capital, com representantes dos moradores, skatistas e o comando operacional da Guarda Civil Metropolitana.

O Estado de S.Paulo

09 de janeiro de 2013 | 02h03

O encontro foi motivado pelo vídeo que circulou anteontem, no qual guardas-civis agridem skatistas na praça. Segundo Barreto, o prefeito Fernando Haddad (PT) ligou para ele pedindo que o caso tivesse prioridade. Mas, depois de uma vistoria e de uma reunião a portas fechadas, nenhuma resolução concreta foi tomada.

Assim como já havia sido acordado anteriormente, ficou decidida a delimitação de um espaço para a prática do esporte na praça, na escadaria próxima à Rua da Consolação. Também foi decidido que sinalização será instalada no local. "O que há aqui é uma boa vontade das diferentes pessoas da praça", afirmou Barreto.

A subprefeitura não definiu, no entanto, quando as resoluções serão colocadas em prática. "São obras pequenas, mas as coisas são um processo."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.