Para expert, grande volume de pessoas atrai bandidos

As novas estações trazem grande volume de pessoas para as imediações. E os bandidos se aproveitam disso. "Os criminosos precisam de gente para ser vítima e de aglomeração para se infiltrar", explica o professor universitário Jorge Tassi, especialista em segurança pública.

, O Estado de S.Paulo

25 de abril de 2011 | 00h00

Segundo ele, conforme o metrô chega a um bairro residencial, o perfil muda. "Podemos dizer que esse lugar passa a ser "pseudo residencial", porque passa a ter um fluxo de pessoas que não pertencem mais ao bairro." O especialista explica que os bandidos passam a ficar na região e a observar a rotina. Para Tassi, a estação traz valorização. "Mas o morador perde o sossego."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.