Papa rezará missa em português em Aparecida

Objetivo de Francisco é se aproximar dos fiéis brasileiros. Pontífice visitará a cidade em meio à Jornada Mundial da Juventude, em julho

João Carlos de Faria, especial para o Estado / Taubaté, O Estado de S.Paulo

16 Maio 2013 | 02h06

O papa Francisco celebrará em português a missa que fará na Basílica Nacional de Aparecida, a 160 quilômetros de São Paulo, no dia 24 de julho. O pontífice estará no Brasil para participar da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que será celebrada no Rio de 23 a 28 de julho.

Segundo a assessoria de imprensa da Arquidiocese de Aparecida, o desejo de celebrar a missa em português partiu do próprio papa, que quer se aproximar dos fiéis brasileiros.

O pedido foi transmitido pela comitiva que prepara a visita do papa ao cardeal d. Raymundo Damasceno, arcebispo de Aparecida, e ao bispo auxiliar d. Darci Nicioli.

O conteúdo da missa, incluindo o Evangelho e o tema da homilia, serão definidos apenas no próximo mês, com a vinda da Comissão de Liturgia do Vaticano ao Brasil. A decisão será tomada em conjunto com a Arquidiocese de Aparecida.

Francisco sairá do Rio às 8 horas do dia 24 de julho, uma quarta-feira. De helicóptero, viajará até Aparecida, onde deve chegar às 9h15. A missa no Santuário Nacional de Aparecida está marcada para as 10 horas. Antes, Francisco contemplará a imagem de Nossa Senhora, dentro do santuário, em uma capela reservada. Ele deverá ficar meia hora e será acompanhado por, no máximo, seis pessoas.

O local da celebração também está indefinido. A missa poderá ocorrer dentro da Basílica, onde o público seria limitado a 30 mil pessoas, ou na tribuna Bento XVI, cujo pátio pode abrigar até 300 mil fiéis. A definição ficará a cargo da Comissão de Liturgia do Vaticano.

Após a missa, Francisco seguirá de papamóvel até o Seminário Bom Jesus, mesmo local onde ficou hospedado o papa Bento XV em sua última visita a Aparecida. Depois de almoçar com autoridades religiosas e civis, Francisco descansará um pouco e voltará para o Rio.

2017. Ainda falta pouco mais de dois meses para a visita do papa, mas já há a informação de que Francisco poderá voltar a Aparecida em 2017, quando serão comemorados os 300 anos da descoberta da imagem de Nossa Senhora no Rio Paraíba.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.