Palco do réveillon da Avenida Paulista já está quase pronto

Expectativa é que o evento reúna mais de 2 milhões de pessoas; avenida será interditada no dia 31

Da Redação,

26 Dezembro 2008 | 12h02

A montagem do palco que vai receber os shows durante o réveillon da Paulista está quase pronta. Nesta sexta-feira, 26, operários montavam a estrutura do palco, que fica entre as ruas Ministro Rocha Azevedo e Frei Caneca. A expectativa é que o evento - que chega em sua 12ª edição - reúna mais de 2 milhões de pessoas.   Foto: Sérgio Neves/AE   A festa começa às 20 horas do dia 31 de dezembro e termina às 2h30 do dia 1º de janeiro. Entre as atrações estão o cantor Daniel, as banda Skank e Babado Novo e a campeã do Carnaval de São Paulo 2008, a Vai-Vai, que encerrará a festa.   Foto: Sérgio Neves/AE   Cerca de 2,3 milhões de pessoas são esperadas na Avenida Paulista, número que representa aumento de 5% com relação ao ano passado, que contou com 2,2 milhões de pessoas. A SPTuris estima que cerca de 100 mil turistas comparecerão à Avenida Paulista para a virada.   Foto: Sérgio Neves/AE   Para o momento da virada será realizado um espetáculo pirotécnico de 15 minutos, com chuva de confetes metalizados e uma revoada de 10 mil balões coloridos.   Interdição   A Avenida Paulista será totalmente interditada no dia 31 de dezembro para a Corrida de São Silvestre e para o revéillon, segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). A interdição começará por volta das 10 horas, em ambos os sentidos, no trecho compreendido entre as ruas Teixeira da Silva e Peixoto Gomide.   Como alternativa, os motoristas podem usar a Rua Maria Figueiredo, Avenida Brigadeiro Luís Antônio, Alameda Joaquim Eugênio de Lima, Alameda Campinas e Rua Pamplona. A partir das 13 horas, a interdição será em ambos os sentidos no trecho entre as ruas Peixoto Gomide e Augusta.   Às 13h30, a interdição acontecerá entre as ruas Teixeira da Silva e da Consolação, nos dois sentidos, assim como a partir das 20 horas, até o encerramento do evento revéillon, por volta das 2h30, no trecho entre as ruas Haddock Lobo e Teixeira da Silva.   A CET vai montar o esquema especial de trânsito para a avenida, com quatro gestores e 33 operadores. Utilizará, ainda, 1.250 cavaletes, cem rolos de fita de sinalização e faixas de orientação.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.