Paladar premia hoje os melhores de 2010

Os vencedores do Prêmio Paladar 2010 serão revelados hoje à noite, em uma festa no hotel Grand Hyatt São Paulo, com a presença dos mais importantes chefs e restaurateurs da cidade. Os resultados serão publicados em uma revista com 116 páginas que circula amanhã com a edição regular do Paladar.

, O Estado de S.Paulo

08 Dezembro 2010 | 00h00

Neste ano, a principal novidade foi a participação de seis leitores no júri. Eles foram selecionados de duas maneiras. Dois deles foram escolhidos entre aqueles que comentam regularmente os blogs do Paladar. E os outros quatro venceram uma concorrência em que tiveram de provar que sabiam agir (e escrever) como autênticos críticos de restaurante.

Ao todo, 468 leitores disputaram vagas no júri, enviando textos para a redação. Inicialmente haveria apenas uma vaga para leitor. Mas os textos estavam tão bons que foram eleitos quatro.

Quem são esses leitores-críticos? Três homens e uma mulher. Seus nomes serão conhecidos hoje na festa de premiação. Por enquanto, podemos adiantar apenas que eles gostaram muito da experiência e engordaram vários quilos - ao todo, o júri ganhou 18 quilos. E não por acaso.

Foram 24 dias de comilança. Os 11 jurados percorreram 37 restaurantes (sempre incógnitos), provaram 47 pratos, divididos em 9 categorias. Por que tudo isso? Porque no Prêmio Paladar não vale voto de memória.

Isso quer dizer que todos os jurados têm de comer todos os pratos e apresentar todas as notas para provar. E eles são obrigados a pagar a conta com a verba do prêmio, como ocorre desde a primeira edição. Nenhum outro prêmio faz o mesmo.

Avaliação

11

jurados participaram da avaliação e ganharam 18 quilos

24

foi o total de dias dos testes

47

pratos participaram da disputa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.