Pais acham mais seguro usar os elevadores

A empresária Meire Cristina de Paula, de 36 anos, costuma levar os filhos para passear no Shopping Plaza Sul, na região da Saúde, zona sul. E não transporta mais a caçula, Isabela, de 5 meses, dentro do carrinho em escadas rolantes. "Não faço mais isso de jeito nenhum. A segurança agora vem em primeiro lugar."

, O Estado de S.Paulo

15 de junho de 2010 | 00h00

Na opinião dela, muitos pais negligenciam a segurança dos filhos por preguiça de acessar os elevadores e também por ser mais cômodo andar pelo shopping pelas escadas rolantes.

A dentista Cristiane Stathourakis, de 38 anos, mãe de Felipe, de 4, e de Beatriz, de 9 meses, afirma que sempre usou os elevadores para se locomover nos shoppings por medida de segurança. "O carrinho é pesado. Não convém arriscar. Nunca usei as escadas porque sempre as achei inseguras", explica.

O vendedor André Luís Lopes Ferreira, de 36 anos, marido da operadora de marketing Elaine Amorim de Souza, de 28, e pai de Matheus, de 4, e de Miguel, de 3 meses, acha as escadas rolantes mais práticas, mas quando está com os filhos opta pelo elevador. "Muitas vezes os elevadores estão cheios e temos de esperar duas ou três viagens", reclama. Para ele, shoppings deveriam destinar elevadores exclusivos a quem usa carrinhos de bebê.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.