Pai mantém filha refém por mais de 1 hora em São Paulo

Justiça foi à casa para buscar a criança, vítima de maus-tratos, e pai ameaçou jogá-la da laje, na zona leste

Elvis Pereira, estadao.com.br

27 de outubro de 2008 | 19h20

Um pai manteve a própria filha refém por mais de uma hora nesta segunda-feira, 27, na Avenida Francisco Vieira Bueno, na Vila Primavera, zona leste de São Paulo. Por volta das 15h30, policiais militares foram acionados para acompanhar um oficial de Justiça que pretendia cumprir um mandado para buscar a criança, de aproximadamente 7 anos, vítima de maus-tratos. Segundo o Centro de Operações da Polícia Militar (Copom), ao saber que integrantes do Conselho Tutelar levariam a sua filha, o homem a fez refém e subiu para a laje, ameaçando se jogar dali. Após negociações, por volta as 17 horas, o pai recuou e decidiu se entregar com a filha. Ele foi encaminhado para o 29.º Distrito Policial, da Vila Diva, onde o caso deve ser registrado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.