Pai corta orelha de homem suspeito de ter abusado de seu filho

IML confirmou estupro de menino de 7 anos em Bastos (SP); revoltado, pai atacou suspeito com facão e cortou parte da orelha esquerda

Sandro Villar, Especial para O Estado de S.Paulo

14 Fevereiro 2016 | 21h34

PRESIDENTE PRUDENTE - Um homem cortou a orelha de outro homem ao suspeitar que este teria abusado sexualmente do seu filho. O caso aconteceu em Bastos, no interior paulista, na noite de sexta-feira, 12.

Ao notar a ausência do filho em casa, os pais buscaram pela criança na região. Ao chegar a uma chácara que fica próxima à propriedade rural da família, o dono do local contou que a criança havia chegado ali e estava dormindo.

Os pais levaram o menino de volta para casa e ao chegar lá ele contou que tinha sofrido o abuso. Descontrolado, o pai voltou à chácara e golpeou o suspeito de 44 anos com um facão, decepando parte de sua orelha.

O suspeito foi levado para o Pronto Socorro Municipal de Bastos. Depois, deu entrada no Hospital das Clínicas de Marília, onde, no sábado, passou por cirurgia para reconstruir a orelha.

O Instituto Médico Legal (IML) de Tupã examinou o menino e confirmou que ele sofreu abuso sexual. O suspeito teve a prisão decretada e está sob escolta policial no HC. Depois de receber alta, vai para uma cadeia da região.

A polícia tratou o caso com discrição e não divulgou os nomes dos envolvidos.

Mais conteúdo sobre:
Abuso Sexual

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.