Pagodeiro acusado de matar esposa irá a júri popular

Segundo decisão de juiz de Guarulhos, há indícios suficientes para levar réu a julgamento

Pedro da Rocha, da Central de Notícias,

14 de outubro de 2010 | 22h44

SÃO PAULO- O pagodeiro Evandro Gomes Correia Filho irá a júri popular pelo homicídio de sua ex-companheira, Andréia Cristina Bezerra Nóbrega, e de tentar matar seu filho Lucas Macedo Nóbrega Correia, em novembro de 2008, decidiu um magistrado nesta quinta-feira, 14.

 

Segundo a decisão do juiz Leandro Bittencourt Cano, da Vara do Júri da Comarca de Guarulhos, existem indícios suficientes para a levar o réu a julgamento pelo Tribunal do Júri.

 

O juiz afirma ainda que, como o réu respondeu ao processo foragido, não faz sentido a revogação de sua prisão preventiva. A data do julgamento não foi definida pelo magistrado.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.