Osasco-Grajaú lidera aumento da demanda

A rede da Companhia Paulista de Trens Metropolitanas (CPTM) ganhou mais 197 mil passageiros que usam os trens todos os dias em 2011. Mas, de cada dois passageiros novos, um foi para a Linha 9-Esmeralda.

O Estado de S.Paulo

02 de maio de 2012 | 03h03

Sozinha, essa linha ganhou mais 98 mil usuários por dia, em média, na comparação entre 2010 e 2011 - um aumento de 36%. O motivo é a expansão da rede metroviária. Esse ramal, que sai do Grajaú, na zona sul, e vai até Osasco, na Grande São Paulo, passando pela Marginal do Pinheiros, ainda não era integrado ao Metrô em 2010. Com a integração com a Linha 4-Amarela, houve uma redução no tempo de viagem até o centro e a linha ficou mais atrativa.

Falha. Ontem, a linha teve mais uma falha na rede elétrica, que interrompeu a circulação entre as Estações Presidente Altino e Osasco desde o começo da manhã. Os usuários tiveram de utilizar a Linha 8-Diamante para contornar essas duas paradas.

Outra pane, em 14 de março, já havia motivado a CPTM a fechar a linha aos domingos para acelerar obras de modernização. A CPTM promete reduzir o intervalo entre trens de 5 para 3 minutos até 2014, quando todas as obras terminarem. / B.R.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.