''Os paulistanos precisam tirar uma folga''

Atika Dhadia, indiana, na cidade para o evento São Paulo Medita pela Paz

, O Estado de S.Paulo

23 Janeiro 2011 | 00h00

Uma das diretoras da Fundação Arte de Viver, organização internacional voltada para projetos sociais ligados à saúde e ao bem-estar da população, a indiana Atika Dhadia viaja pelo mundo disseminando técnicas de respiração, meditação e ioga. Pela primeira vez em terras sul-americanas, Atika se apresenta hoje na capital paulista dentro do evento São Paulo Medita pela Paz, que ocorre a partir das 11 horas na Concha Acústica do Parque da Aclimação, na região central.

Rio X São Paulo. "Aqui é muito legal, a cidade é bonita. Meu erro foi ter passado pelo Rio primeiro", conta a indiana, que se encantou pelas praias cariocas e afirma ainda estar em fase de descoberta de São Paulo. "Gostei muito das áreas verdes e dos grandes parques no meio da cidade."

Estresse. Mestre em técnicas de relaxamento e meditação, Atika sabe que não está em uma cidade exatamente tranquila. "Talvez os paulistanos precisem dar um tempo, tirar uma folga", diz. "Eles são muito concentrados nos outros e no trabalho. Tenho certeza que, caso eles se concentrem em si mesmos e prestem um pouco mais de atenção nos seus problemas, seriam pessoas muito mais produtivas."

Américas. Depois de São Paulo, Atika segue viagem pelo continente americano. "Estou ansiosa para conhecer a Argentina e a ilha de Curaçau."

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.