Operação normal só vai começar no ano que vem

A Linha 15-Prata do Metrô de São Paulo deve colocar o primeiro monotrilho da capital paulista para circular com passageiros em dezembro. No entanto, nesse período ele vai funcionar só em "visita controlada". O Estado apurou que a operação comercial definitiva no ramal só deve começar em 2014, informação que não é confirmada pelo governo do Estado. A estimativa é que 13,3 mil usuários usem o novo trecho.

O Estado de S.Paulo

14 de abril de 2013 | 02h04

O primeiro trecho da linha funcionará entre as Estações Vila Prudente e Oratório, com 2,9 quilômetros de extensão. Depois, o ramal será estendido até São Mateus, em um percurso de 10,1 quilômetros e oito estações. Essa parte tem previsão de entrega para o ano que vem. Já o trecho final, até Cidade Tiradentes, terá sete paradas e 11,5 quilômetros de comprimento. A abertura desse tramo será em 2016.

Cerca de R$ 5,4 bilhões vão ser investidos na construção da Linha 15-Prata. Quando estiver completamente pronta, ela terá 24,5 quilômetros de extensão e 17 estações. / C.V.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.