Operação da Polícia Civil prende ao menos 236 em São Paulo

Nomeada Gênese, ação abrange 645 municípios do Estado para cumprir mandados de prisão de criminosos

Solange Spigliatti, da Central de Notícias,

29 de outubro de 2009 | 14h12

Balanço parcial da Polícia Civil de São Paulo mostra que 236 pessoas haviam sido presas até as 11 horas desta quinta-feira, 29, apenas na capital paulista, durante a Operação Gênese.

 

A megaoperação, iniciada à zero hora desta quinta-feira, 29, em 645 municípios do Estado de São Paulo, tem o objetivo de cumprir mandados de prisão, de busca e apreensão em locais onde possam estar escondidos autores de homicídios, latrocínios, sequestros, entre outras naturezas de crime.

 

A ação visa também recapturar foragidos, apreender objetos suspeitos, produtos pirata, máquinas caça-níqueis entre outros de origem espúria (desmanches).

 

O balanço total será divulgado pelo delegado geral de polícia, às 17 horas de hoje, na rua Brigadeiro Tobias, 527, 18º andar, na região central da Capital.

Tudo o que sabemos sobre:
Operação GêneseSP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.