Operação da Polícia Civil prende 193 no interior de SP

Ação abrangeu 93 municípios na região de Ribeirão Preto; seis membros do PCC foram detidos na cidade

Brás Henrique, O Estado de S. Paulo

17 de dezembro de 2009 | 17h21

Na Operação Atribuição Policial, realizada nesta quinta-feira, 17, entre 6 e 13 horas, em 93 municípios sob jurisdição do Departamento de Polícia Judiciária do Interior 3 (Deinter-3), na região de Ribeirão Preto, foram realizadas 193 prisões. Em Ribeirão Preto foram presas seis pessoas (cinco homens e uma mulher) ligadas à facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC), por formação de quadrilha e associação ao tráfico, após mais de um ano de investigação. A operação foi realizada pela Polícia Civil para cumprir 172 mandados judiciais.

 

"Essa operação foi feita para reduzir o índice de criminalidade na região e também para aferir a capacidade da mobilização policial da região, seguindo diretriz da Secretaria de Segurança Pública (SSP) e da Delegacia Geral de Polícia de São Paulo", disse o delegado do Deinter-3, Rafael Rabinovici. Ele destacou que a operação também ocorreu num momento propício, pois os trabalhadores estão recebendo o 13º salário e a retirada de circulação dos criminosos deverá diminuir os números de roubos e furtos nesse período.

 

Rabinovici não entrou em detalhes sobre as prisões dos integrantes do PCC, enfatizando apenas que os presos já tinham passagens policiais e foram investigados por agentes da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) por mais de um ano. Somente os oito delegados seccionais da região e alguns outros delegados sabiam da operação.

 

Os investigadores foram avisados pouco antes do início da mobilização de cumprimento de mandados judiciais, em casos de roubos, furtos, crimes contra o patrimônio e até por falta de pagamento de pensões alimentícias.

 

A seccional de Araraquara, com 19 cidades, foi a que teve mais prisões: 50. Ribeirão Preto, com 15 cidades, teve 33 prisões. As outras seis seccionais tiveram os seguintes números de prisões: Barretos (21), Bebedouro (7), São Joaquim da Barra (17), São Carlos (17) e Sertãozinho (18). Nove pessoas foram presas em flagrante. Cinco fugitivos foram recapturados, 35 veículos apreendidos e um recuperado, duas armas de fogo apreendidas, 1.755 pessoas abordadas, 891 veículos vistoriados e 679 policiais civis envolvidos na operação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.