Operação analisa 12 mil cadeirinhas e capacetes e veta 5

Em mais de 12 mil produtos fiscalizados, só cinco capacetes de motociclistas e uma cadeirinha para criança foram encontrados fora das especificações técnicas pelo Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo (Ipem). As irregularidades foram flagradas durante a Operação Boa Viagem, realizada ontem e anteontem na capital e em São Bernardo do Campo e Guarulhos, na Região Metropolitana. Foram fiscalizadas 57 lojas. Delas, só três vendiam produtos com problemas e foram autuadas. Agora, poderão ter de pagar multa entre R$ 100 e R$ 1,5 milhão.

O Estado de S.Paulo

21 de junho de 2012 | 03h06

"Os capacetes irregulares não tinham costurada internamente a etiqueta com a logomarca do Inmetro e do Organismo de Certificação do Produto (OCP). Já no dispositivo de retenção (cadeirinha) faltava o endereço do fabricante ou do importador", informou o Ipem, em nota. Para o coordenador da operação, Jefferson Kovachich, o baixo número de produtos encontrados fora das especificações é um sinal de que o consumidor tem procurado mais os produtos com certificado do Inmetro. "No caso da cadeirinha, no ano passado houve dificuldade de achar produtos certificados. O consumidor exigiu isso e o mercado se adequou." / B.R.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.