Opções de todo tipo estão espalhadas pelo litoral

Boa parte das quedas d'água paulistas fica dentro de parques ou estações ecológicas, no 'pé' da Serra do Mar

, O Estado de S.Paulo

30 Janeiro 2011 | 00h00

As cachoeiras espalhadas pelo litoral de São Paulo são uma boa opção para quem quer fazer um programa diferente neste verão. Trocar a água salgada pela doce é possível em várias cidades, a começar pelo extremo sul do litoral. Em Cananeia, uma trilha de 800 metros após um passeio de barco leva até a Cachoeira Grande, uma das atrações do Parque Estadual da Ilha do Cardoso.

Outras atrações também estão no "pé" da Serra do Mar, em parques ou estações ecológicas. E há ainda opções dentro de propriedades particulares.

Também no litoral sul, destaca-se o Poço das Antas, que recebeu esse nome porque índios que habitavam a região acreditavam que as pedras do local lembravam o animal.

No litoral norte, Ilhabela também é um paraíso para fãs de cachoeiras. São mais de 300 espalhadas por toda a ilha. As mais conhecidas são a da Toca, do Gato, da Laje Preta, do Veloso, além da Três Tombos, da Friagem, do Ribeirão e da Zubamba.

A regra número um para se divertir nesses locais é passar protetor contra borrachudos. Algumas localidades oferecem gratuitamente óleo de citronela, que permanece por bastante tempo na pele. Outros cuidados são não mergulhar sem saber a profundidade e ter cuidado com pedras, mais escorregadias do que pontos onde há areia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.