Ônibus serve de escudo para assalto a banco

O motorista e a cobradora de um ônibus de linha, no Jardim Rio Branco, em São Vicente, litoral paulista, foram rendidos por criminosos que usaram o coletivo para encobrir uma tentativa de assalto a uma agência do banco Bradesco, na madrugada de ontem. A polícia desconfiou da ação após uma explosão - que danificou dois caixas eletrônicos - e foi ao local. Houve troca de tiros, mas ninguém foi detido. Na fuga, dois dos carros usados pelos bandidos bateram. Dentro de um deles, os policiais apreenderam um fuzil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.