Ônibus quebrado causa 7 km de lentidão no Corredor norte-sul

Uma das faixas da Avenida 23 de Maio ficou bloqueada por cerca de uma hora; veículo já foi retirado da pista

Solange Spigliatti, estadao.com.br

09 Dezembro 2008 | 09h01

Um ônibus quebrado, que ocupou por cerca de uma hora uma faixa da direita da Avenida 23 de Maio, causou um congestionamento de mais de sete quilômetros no Corredor Norte-sul, por volta das 9 horas desta terça-feira, 9.  Veja também:Como o trânsito parou SP e números da frota Dossiê Estado: os números do trânsito em SP  Acompanhe a situação do trânsito rua-a-rua     Os traços em vermelho representam trechos de lentidão nesta manhã. Fonte: CET. Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), o veículo já foi retirado, mas ainda atrapalhava os motoristas que se dirigiam para Santana. De acordo com medição da CET, às 8h58 a cidade registrava 92 quilômetros de ruas e avenidas com trânsito carregado. Piores trechos congestionados - Corredor Norte-sul, sentido Santana, entre Viadutos Pedroso e João Julião da Costa Aguiar, com 7.102 metros; - Avenida Washington Luis, sentido Centro, entre Viaduto João Julião da Costa Aguiar e Rua Olavo Bilac, com 6.860 metros; - Marginal Pinheiros, sentido Interlagos, pista expressa entre Pontes Cidade Universitária e Castelo Branco, com 5.570 metros; - Radial Leste, sentido Centro, pista expressa entre Rua Wandenkolk e Viaduto Pires do Rio, com 4.699 metros;  Situação dos principais corredores  Zona Sul- Marginal Pinheiros: sentido Interlagos, pista expressa entre Pontes Cidade Universitária e Castelo Branco Zona Oeste- Ligação Leste-Oeste: sentido Lapa, entre Praça Pérola Byington e Avenida Alcantara Machado  Zona Norte- Corredor norte-sul: sentido Santana, entre Viadutos Pedroso e João Julião da Costa Aguiar Zona Leste- Radial Leste: sentido Centro, pista expressa entre Rua Wandenkolk e Viaduto Pires do Rio Centro - Avenida do Estado: sentido Santana, entre Ruas João Teodoro e Vinte e Cinco de Março

Mais conteúdo sobre:
trânsitoSP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.