Ônibus é incendiado em suposta represália contra repressão a bailes funk

Para a polícia, crime ocorrido em Itaquera, na zona leste, pode ter sido motivado por operação contra as festas na região

Diego Cardoso, O Estado de S. Paulo

22 de abril de 2013 | 07h37

Atualizado às 9h01

SÃO PAULO - Um ônibus da linha Terminal Carvalho-Metrô Artur Alvim foi incendiado na noite de domingo, 21, em Itaquera, zona leste de São Paulo, em uma suposta represália a uma operação da PM contra os bailes funk na região, segundo a polícia. Oito pessoas encapuzadas queimaram o veículo e estão foragidas, de acordo com relatos de testemunhas no boletim de ocorrência, registrado no 24º DP, da Ponte Rasa. Não há registro de feridos.

Perto das 22h de domingo,o veículo da linha 2060-10 passava pela na Rua Arbela, perto do número 300. Segundo relato da Polícia Civil, os suspeitos jogaram garrafas vazias no para-brisas e obrigaram os passageiros a desembarcar no local. O grupo de oito pessoas, todos usando capuz preto, jogou coquetéis molotov no ônibus.

Tudo o que sabemos sobre:
ônibusincendiadoitaquera

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.