Werther Santana/AE
Werther Santana/AE

Ônibus desgovernado atinge loja na zona oeste de São Paulo

Após ser estacionado em frente ao ponto final e ter o freio de mão puxado, o veículo, já vazio, desceu de ré e atingiu dois imóveis

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

25 de agosto de 2011 | 02h22

SÃO PAULO - No final da noite de quarta-feira, um ônibus da Viação Sambaíba, prefixo 22681, da linha 178C (Parque Edu Chaves - Lapa), atingiu uma casa na Rua George Smith, na Lapa. Após ser estacionado em frente ao ponto final, o veículo desceu a rua de ré e atingiu a frente de uma loja e de uma pensão, localizadas na altura do nº 65.

 

Segundo a polícia, o motorista, ao estacionar o coletivo em frente ao ponto, numa subida, puxou o freio de mão e saiu do veículo. Segundos depois, já vazio, o ônibus começou a descer e só parou ao atingir os dois imóveis. Ninguém ficou ferido, mas uma mulher, que estava dentro da casa, passou mal e foi levada para o pronto-socorro da Lapa.

 

O caso foi encaminhado para o plantão do 7º Distrito Policial, da Lapa. Até as 2h30 desta madrugada de quinta-feira, a perícia no veículo não havia sido realizada, mas acredita-se que teria ocorrido uma falha no freio de mão do coletivo.

 

Outro caso. Esse é o segundo caso do tipo em 48 horas na capital paulista. Na noite de segunda-feira, um ônibus executivo da Viação Osastur danificou um poste e invadiu a fachada de uma residência no momento em que era guinchado na Rua Quirinópolis, região do Imirim, na zona norte de São Paulo.

 

No trecho de subida da rua, o engate do guincho teria quebrado, deixando o coletivo solto. Ao descer a rua de ré, o ônibus, que estava vazio, bateu contra um poste da Eletropaulo e, na sequência, invadiu parcialmente o quintal de uma casa. Neste caso também não houve feridos.

Tudo o que sabemos sobre:
Ônibus, Lapa, acidente, transporte,

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.