Valter Tozetto Jr./Jornal de Jundiaí
Valter Tozetto Jr./Jornal de Jundiaí

Onça capturada em rodovia de São Paulo se recupera bem

Animal ameaçado de extinção teve ferimentos na boca e ficará em associação de proteção ao meio ambiente

Tatiana Fávaro, O Estado de S.Paulo

14 de setembro de 2009 | 16h59

A onça parda capturada próxima ao km 70 da Rodovia Anhanguera nesta segunda-feira, 14, está se recuperando bem, segundo a veterinária da Associação Mata Ciliar, ONG que trabalha com recuperação e conservação do meio ambiente. O animal foi levado para a sede da organização, em Jundiaí, e recebeu tratamento e medicação. "Havia sinais claros de atropelamento, como marcas de pneu no corpo, dente quebrado, cortes na boca e língua", afirmou Karen Cristine Bueno. "O prognóstico de recuperação é bom".

 

Equipes da AutoBAn, do Corpo de Bombeiros e da ONG capturaram a suçuarana, ou onça parda - espécie ameaçada de extinção -, na pista sentido São Paulo, na altura de Louveira. A concessionária da rodovia informou que a onça foi encontrada por volta de 5h50 entre a mureta que divide os sentidos da via e a primeira faixa de rolamento. Por causa disso, a pista ficou parcialmente bloqueada, causando lentidão.

 

De acordo com Karen, a equipe da associação foi acionada pela Guarda Municipal às 7 horas. No local, os profissionais da ONG conseguiram anestesiar o animal por meio de dardos e fazer os primeiros socorros. O animal, um macho de aproximadamente um ano, ficará na sede da associação até que os profissionais concluam estudo de local para soltura. "Machos marcam territórios muito grandes e precisamos analisar com cuidado onde ele vai poder ser solto, para que possamos monitorá-lo com radiocolar", disse a veterinária.

 

Mais conteúdo sobre:
onçaRodovia Anhanguera

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.