Oito ônibus e um carro são incendiados no interior de São Paulo

Criminosos renderam vigia de empresa de transportes em São Manuel e usaram garrafas com combustível para atear fogo

José Maria Tomazela, O Estado de S. Paulo

11 de abril de 2016 | 16h36

SOROCABA - Oito ônibus e um carro foram incendiados, na madrugada desta segunda-feira, 11, na garagem de uma empresa de transporte coletivo, em São Manuel, interior de São Paulo. Os criminosos, dois homens armados e encapuzados, renderam um vigia e usaram garrafas com combustível para atear fogo aos veículos. Cinco ônibus e o veículo de apoio foram destruídos completamente. Três coletivos tiveram danos parciais. Os veículos não tinham seguro e o prejuízo passa de R$ 1 milhão.

De acordo com a Polícia Civil, o ataque foi planejado e os criminosos simularam um assalto para confundir a investigação. Eles renderam o vigia e pediram dinheiro, mas o local é a base operacional da empresa e não possui cofre. O vigilante ficou amarrado enquanto os ônibus eram incendiados. Durante a perícia, foram encontradas garrafas PET com gasolina, o que indica que os criminosos estavam preparados para causar o incêndio. Apenas os celulares do vigia foram levados.

O Corpo de Bombeiros usou carros-pipa e caminhões-tanque da prefeitura no combate às chamas. Ninguém ficou ferido. Outros 14 ônibus da empresa não foram atingidos. Até a tarde, nenhum suspeito tinha sido identificado. A empresa é contratada pela prefeitura, através de licitação, para o serviço de transporte coletivo da cidade.

Mais conteúdo sobre:
São ManuelSão PauloViolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.