Obrigatoriedade do sistema antifurto em veículos novos é adiada para o fim do ano

O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) adiou pela terceira vez o prazo para que todos os veículos saídos de fábrica tenham sistema antifurto. O mais recente cronograma - publicado na edição de ontem do Diário Oficial da União - prevê a instalação gradual a partir do dia 1.º de setembro para os novos veículos de passeio, caminhões, ônibus e micro-ônibus. A totalidade da frota desses veículos saídos de fábrica deve trazer o dispositivo a partir de 27 de dezembro.

, O Estado de S.Paulo

15 de junho de 2010 | 00h00

Em relação às motos e modelos semelhantes, a instalação gradual começa no dia 1.º de outubro deste ano - todas devem estar equipadas a partir de 1.º dezembro de 2011. Segundo o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), o adiamento foi necessário para expandir o período de "operação assistida", no qual as montadoras e outras entidades monitoram o funcionamento do sistema antifurto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.