Obras roubadas da Pinacoteca voltam ao museu na terça-feira

Museu não divulga das novas medidas de segurança tomadas desde o roubo de quatro telas no dia 12 de junho

Mônica Aquino, do estadao.com.br,

22 de agosto de 2008 | 10h54

As quatro obras que foram roubadas da Estação Pinacoteca no dia 12 de junho vão voltar a ser expostas a partir de terça-feira, 26. No roubo, foram levadas as telas Mulheres na Janela (1929), o óleo sobre cartão de Di Cavalcanti, O Pintor e seu Modelo (1963), gravura de Picasso; Minotauro, Bebedouro e Mulheres (1933), gravura de Picasso e Casal (1919), guache sobre cartão de Lasar Segall.     Minotauro, Bebedouro e Mulheres, de Picasso Veja também:Pinacoteca decide instalar detector de metaisImagens de obras roubadas pelo mundo  Câmeras flagram o roubo     A última obra a ser recuperada foi Minotauro, Bebedouro e Mulheres, de Picasso, na sexta-feira passada. Desde o roubo à Estação Pinacoteca, a segurança do museu já foi reforçada e, segundo informações da assessoria de imprensa, mais medidas de segurança ainda estão sendo postas em prática e outras ainda serão. No entanto, não são divulgados detalhes do novo esquema de segurança do local.  No dia 7 de agosto, foram recuperadas as obras Mulheres na Janela e O Casal, que já voltaram para a Pinacoteca. O Pintor e seu Modelo, também de Picasso, foi recuperada no último dia 19 de julho. A Estação Pinacoteca é um local de exposições da cidade de São Paulo, mantida pelo Governo do Estado de São Paulo. Fica localizada no centro da cidade, no Largo General Osório, no bairro da Luz, ao lado da Sala São Paulo e da Estação Júlio Prestes.  Em dezembro de 2007, o Masp também foi roubado. Na ocasião, foram levadas as obras O Retrato de Suzanne Bloch, de Pablo Picasso, e o Lavrador de Café, do Cândido Portinari,   Casal, de Lasar Segallforam furtados.  Depois que elas voltaram a ser expostas no museu, houve uma grande procura do público para ver as duas obras. Questionada sobre um possível aumento do público, a Estação Pinacoteca afirma que não espera a mesma resposta. O aumento deve acontecer devido ao início da exposição da artista Beatriz Milhazes, marcada para o dia 6 de setembro, segundo a assessoria de imprensa do museu.  O ingresso para ver as obras expostas na Pinacoteca custa R$ 4 reais e o serviço é gratuito aos sábados. A Estação Pinacoteca fica no Largo General Osório, 66, na Luz e o museu funciona de terça a domingo, das 10h às 18 horas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.