Obras de tratamento de esgoto no litoral de SP recebem US$ 200 milhões do Japão

O governo de São Paulo assinou contrato com a Agência de Cooperação Internacional do Japão (Jica) para implementar sistema de coleta e tratamento de esgoto no litoral de São Paulo. O financiamento é de US$ 200 milhões para o programa Onda Limpa. O objetivo é chegar ao final deste ano com 95% de todo o esgoto na Baixada Santista coletado.

, O Estado de S.Paulo

15 Fevereiro 2011 | 00h00

Já no litoral norte a data limite para melhorar o atendimento é 2015. Atualmente, chega a 53% da Baixada Santista e a 35% do litoral norte. A evolução projetada pela Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) é que Caraguatatuba passe de 35% para 85% de esgoto coletado; São Sebastião, de 44% para 91%; Ubatuba, de 28% para 84% e Ilhabela, de 4% para 86%.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.