OAB-SP e Defensoria brigam por convênio

A briga entre a Seção São Paulo da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e a Defensoria Pública fez a primeira pedir ao governo que a gestão do convênio entre a OAB e o Estado para o atendimento a pessoas carentes passe da Defensoria para a Secretaria de Justiça. Os advogados reclamam que, em um mês, de 55 mil pedidos de pagamentos a advogados, 13 mil foram "injustamente" devolvidos pela Defensoria. Esta diz que o zelo com o dinheiro serve para evitar fraudes. O convênio movimenta R$ 270 milhões por ano.

O Estado de S.Paulo

27 Outubro 2011 | 09h31

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.