O que abre e o que fecha em SP no feriado de Corpus Christi

Nesta quinta-feira, feriado de Corpus Christi, várias atividades ligadas aos governos municipais e estaduais deixam de ser realizadas. A Companhia de Engenharia de Tráfego suspendeu a vigência do rodízio de veículos na quinta e na sexta-feira.  VEJA TAMBÉM1,6 milhão de veículos devem deixar SP no feriado, estima CET Veja aqui, o que e como funcionarão os principais serviços públicos da cidade de São Paulo:  Abastecimento: todos os mercados municipais abrirão no feriado, com a exceção dos da Lapa e de Pinheiros. Os horários são os seguintes: das 6 às 13 horas. Na sexta-feira, os mercados abrirão nos horários habituais. Todos os sacolões e feiras livres também funcionarão normalmente. Assistência Social: no feriado e na sexta-feira, vão funcionar os serviços que atendem 24 horas, ininterruptamente. São os seguintes: abrigos e casas de acolhida, Central de Atendimento Permanente (Cape) e de Emergência, Centros de Referência da Criança e do Adolescente (Crecas) e albergues. Na quinta, não funcionam o Centro de Referência de Cidadania do Idoso (Creci), Loja-Escola Roda da Cidadania, Agente Jovem, Núcleos Sócio-Educativos e Casas da Família, Centro de Referência Ação Família (Craf). Todos os serviços vão funcionar na sexta-feira, com exceção da Loja-Escola Roda da Cidadania.  Cultura: Estarão abertos todos os dias, inclusive no sábado e no domingo o Centro Cultural São Paulo, o Centro Cultural da Juventude e os teatros João Caetano, Artur Azevedo e Martins Penna. Todas as bibliotecas estarão fechadas e abrirão no sábado, com exceção da Biblioteca Mário de Andrade, que só voltará a funcionar na segunda-feira. Os teatros Alfredo Mesquita, Paulo Eiró, Cacilda Becker, Décio de Almeida Prado não funcionarão na quinta e na sexta. O Theatro Municipal abrirá as bilheterias na quinta, das 10 às 17h30, e na sexta, às 20 horas, para a apresentação do Coral Paulistano. Não abrirão: Escola de Bailado, Escola Municipal de Iniciação Artística, Escola Municipal de Música, Balé da Cidade e Orquestra Experimental de Repertório. As Casas de Cultura também estarão fechadas, com exceção da Casa de Cultura M'Boi Mirim, que abrirá todos os dias. Educação: escolas e creches não funcionarão no feriado e no ponto facultativo. Nos CEUs acontecem atividades culturais e esportivas, mas as aulas no Telecentro estarão suspensas.  Esportes: os clubes da cidade não funcionarão dia 22, mas dias 23, 24 e 25 estarão abertos para atividades esportivas e de lazer.  Saúde: os serviços oferecidos pelas Assistências Médicas Ambulatoriais (AMA) e pelos hospitais e prontos-socorros municipais funcionarão na quinta e na sexta. As Unidades Básicas de Saúde (UBS) voltarão a funcionar na segunda-feira.  Subprefeituras: praças de atendimento não funcionarão.  Trabalho: os Centros de Apoio ao Trabalho não abrirão.  Transporte: As linhas do sistema de transporte municipal deverão operar na quinta-feira com frota correspondente a de domingos e feriados (50%). Na sexta-feira, circularão 85% da frota de um total de 15 mil veículos. Nos postos e lojas de venda e atendimento para o cartão Bilhete Único, o funcionamento será normal para atendimento ao público em geral. Já os postos de atendimento ao idoso e deficiente estarão fechados.  Verde e Meio Ambiente: todos os parques municipais estarão abertos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.