O próximo pode ser você!

Viva a Igreja!

TUTTY HUMOR, O Estado de S.Paulo

02 Março 2013 | 02h02

Justiça seja feita à Igreja, não há nada mais democrático no mundo globalizado do que o esforço de todo papa para se fazer entender em vários idiomas.

Devagar e sempre

O chileno Valdivia vai, aos poucos, recuperando a boa forma: tomou cartão amarelo no banco de reservas do Palmeiras na derrota para o Libertad do Paraguai, em Assunção!

Sem freio

Se há uma coisa que deixa qualquer brasileiro irritado, com toda razão, é de vez em quando concordar com certas coisas que o Ciro Gomes diz quando sai atirando pra todo lado. Se é o seu caso, caro leitor, calma! Logo, logo ele vai passar dos limites, falar mais do que devia e tudo voltará ao normal! É sempre assim!

Sabadilma

É dura a vida de presidente da República! Sabe lá o que é aproveitar o sábado em Brasília para dar uma passadinha na convenção do PMDB?! Enfim, como diz a oposição, bem feito!

Desinteresse

Se fecharem os portões do Engenhão ao público nas semifinais da Taça Guanabara, capaz de o torcedor carioca até aplaudir!

Efeito Bento

Considerado o 'Deus da Guitarra' na seita do rock, Eric Clapton marcou sua aposentadoria para daqui a três anos. Se, até lá, fizer a metade do sucesso de Bento XVI após o anúncio de sua renúncia ao papado, talvez nem pare aos 70 anos!

Tudo começou com aquele título da edição latino-americana da revista Time anunciando Neymar como "o próximo Pelé"! Dias depois, Lula se proclamou o próximo Abraham Lincoln e já tem cardeal por aí dizendo que d. Odilo Scherer será o próximo papa.

Exageros à parte, o caso de Lula tem a agravante da presunção. Mesmo o mais vaidoso dos seres humanos costuma simular a humildade de deixar para os outros a iniciativa de sua consagração.

É até saudável que todo mundo queira ser o próximo maioral seja lá no que for, mas um pouco de modéstia - ainda que falsa! - também convém ao sujeito elevado em público ao posto de paradigma maior de seu ofício.

Eu, por exemplo, adoraria que vocês me chamassem pelas costas de "o próximo Stanislaw Ponte Preta" ou de "o próximo Luis Fernando Verissimo", mas, pelamordedeus, não me matem de vergonha com tamanho disparate cara a cara.

Enfim, Neymar se mostrou honrado com sua indicação a rei, d. Odilo teve a grandeza de não comentar suas chances de virar papa, mas o Lula... Bem, o Lula resolveu dar essa colher de chá à memória de Abraham Lincoln. Os americanos devem estar orgulhosos de seu ex-presidente!

Fenômeno

"Que botox é esse que o David Bowie está usando, caramba?" Só se fala disso no backstage das velhas bandas de rock ainda em atividade. O cantor inglês é, entre os jurássicos de sua geração, o que envelheceu melhor. Os últimos 10 anos sem trabalhar lhe fizeram muito bem!

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.