O povo unido em ''Tropa de Elite 2''

Calcula-se que mais de 3 milhões de franceses tenham saído às ruas e parado o país, ontem, para protestar contra o aumento da idade mínima para aposentadoria no país, de 65 para 67 anos. Por aqui, a causa não reuniria 1 mil gatos pingados na Praça da Sé, na Cinelândia ou na Esplanada dos Ministérios. O brasileiro parece que perdeu o gosto por passeata, ato público, comício, vigília, carreata, abraço à lagoa... Não à toa, nunca antes na história deste País uma eleição foi tão pouco disputada nas ruas.

Tutty Vasques, O Estado de S.Paulo

13 de outubro de 2010 | 00h00

O povo só sai junto de casa, ultimamente, para ir à Parada Gay, ao réveillon de Copacabana, à marcha com Jesus, ao carnaval da Bahia, ao Círio de Nazaré, e olhe lá! Recentemente, duas manifestações intensamente badaladas nos jornais - uma a favor da liberdade de expressão, outra contra o "golpismo midiático" - tiveram, no Rio e em São Paulo, quorum de circo do interior.

Tropa de Elite 2 quebrou um pouco esta rotina nacional de desengajamento. O filme de José Padilha tirou quase tanta gente de casa no feriadão quanto a Previdência Social pôs de francês ontem nas ruas. Não é nada, não é nada, há tempos o brasileiro não saía junto do cinema para discutir a realidade no barzinho da esquina, né não?

Celebridade

Aplaudida por onde passa, Marina Silva começa a lidar com o lado invasivo do sucesso: já recusou convite até para baile de debutante e inauguração de loja de produtos naturais em shopping center. Vai ser disputada a tapa pelos camarotes de cervejarias no carnaval.

DNA de aprovado

O currículo de Tiririca na Justiça Eleitoral ganhou nova documentação. Os advogados do palhaço conseguiram anexar à papelada um teste do pezinho e um exame de vista prestado no Ceará em 1985.

Barraco verde

Pode acabar em pancadaria a convenção do PV que vai definir no próximo domingo, em São Paulo, a posição do partido de Marina Silva para o segundo turno. Convém pedir reforço de policiamento. Depois não digam que eu não avisei!

Guerra fria

A indústria da pirataria foi cooptada pelo marketing político: tem camelô por aí vendendo DVD com a capa do filme Tropa de Elite 2 e conteúdo das gravações da propaganda política de Dilma Rousseff no Horário Eleitoral Gratuito. O PT desconfia que tenha tucano metido nisso. Cá pra nós, faz sentido!

Santos de casa

Dilma Rousseff disse no Santuário Nacional de Aparecida que, na juventude, foi "por opção" para um colégio de freiras porque "queria fazer primeira comunhão". O Serra, também, só não virou coroinha porque precisou ajudar o pai com os caixotes de frutas no Mercado Municipal.

Ulalá!

Enfim, uma boa notícia procedente da França: terroristas da Al-Qaeda aderiram à greve por tempo indeterminado em todo o país.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.