Número de roubos aumenta um terço no Estado de SP

Dados da Secretaria da Segurança Pública mostram ainda que, em janeiro, homicídios passaram de 417 no ano passado para 422 neste

Caio do Valle e Felipe Tau, O Estado de S. Paulo

24 Fevereiro 2014 | 09h08

SÃO PAULO - O Estado de São Paulo teve quase um terço mais roubos em janeiro deste ano do que no mesmo período do ano passado, mostram dados divulgados nesta segunda-feira, 24, pela Secretaria Estadual da Segurança Pública (SSP). Nos primeiros 30 dias de 2014, foram registrados no território paulista 26.987 roubos ante 20.371 em janeiro de 2013 -- um crescimento de 32,4%.

Os homicídios dolosos (com intenção de matar), por sua vez, se mantiveram praticamente estáveis, embora neste ano mais casos tenham sido anotados. Foram 422 ocorrências em janeiro, contra 417 no mesmo mês do ano passado, um ligeiro acréscimo de 1,2% do número de casos.

Já os casos de latrocínios (roubos seguidos de morte) permaneceram no patamar inalterado de 34 ocorrências neste ano no comparativo com janeiro de 2013.

Furtos. Ainda na área de crimes relacionados ao patrimônio, os furtos caíram no Estado neste ano, segundo a SSP. Em janeiro, as delegacias paulistas notificaram 47.771 furtos, perante 49.193 em igual período do ano anterior. Especificamente os furtos a veículos, no entanto, aumentaram de um ano para o outro: em janeiro de 2013, a polícia marcou 9.550 casos; neste ano, foram 10.265 (um acréscimo de 7,4%).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.