Novo acidente em obras de Viracopos deixa 14 feridos

Em março, um funcionário morreu nas obras do novo terminal de passageiros do aeroporto

Ricardo Brandt, O Estado de S. Paulo - Atualizada às 22h53

30 Abril 2013 | 22h29

CAMPINAS - Um novo acidente nas obras do novo terminal de passageiros do Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, interior de São Paulo, deixou 14 funcionários feridos na noite desta terça-feira, 30. Por volta das 19 horas,  o andaime onde estavam, concretando uma viga da segunda lage do pier C, caiu com os funcionários em cima. Segundo o Consórcio Construtor de Viracopos, eles sofreram ferimentos leves e nenhum corre risco de vida.

Em 22 de março, um funcionário de 25 anos que trabalhava em um poço de escavação morreu soterrado na obra e outro foi soterrado, mas sofreu apenas escoriações. Fiscais do Ministério do Trabalho e Emprego e do Ministério Público do Trabalho, na época, embargaram mais de metade da obra. Aos poucos, as construções foram autorizadas, conforme adequações de segurança.

Os feridos de ontem foram encaminhados para o Hospital Municipal Mário Gatti e para o Pronto Socorro do São José. Cinco viaturas do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) foram chamadas para auxiliar no socorro às vítimas.

O consórcio Construtor de Viracopos informou que vai apurar as causas do acidente. Fiscais do Ministério Público do Trabalho estiveram no local fiscalizando a obra. Eles interditaram o local do acidente.

As obras de modernização e ampliação de Viracopos vão elevar a capacidade do aeroporto de 9 milhões de passageiros ano para 14 milhões de passageiros ano, até abril de 2014. A conclusão do novo terminal, onde trabalham 3,5 mil trabalhadores, é considerada estratégica para a Copa do Mundo - Campinas é subsede da Copa e deve abrigar uma das

seleções.

Mais conteúdo sobre:
Viracoposacidente

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.