Nova faixa exclusiva para ônibus não faz trânsito para carros aumentar

Apesar de perder uma via de rolagem para automóveis, via da zona leste mantém mesmos índices de congestionamento

Bruno Ribeiro - O Estado de S. Paulo,

29 de abril de 2013 | 10h53

A entrada em operação das novas faixas exclusivas para ônibus, que estão retirando uma faixa de rolagem dos carros em 150 km de vias da cidade, não fez com que os automóveis ficassem mais tempo no trânsito. A pedido do Estado, a empresa Maplink monitorou, na semana passada, o comportamento de uma das vias que receberam essas faixas. A velocidade média dos carros manteve-se, na média, estável em relação ao mês passado.

A estrada monitorada foi a Avenida Rio das Pedras, na zona leste. É uma artéria que tem tráfego pesado – cercada por pequenas e médias indústrias, é ligação para avenidas importantes como a Aricanduva e Jacu-Pêssego, além de estar em uma área extremamente populosa.

A faixa exclusiva ali começou a funcionar na segunda-feira da semana passada, dia 22. A comparação que a Maplink fez foi entre a última semana e a terceira semana do mês passado, de 18 a 22 de março.

O levantamento mostra que, na média, o motorista que pega a avenida nas primeiras horas da manhã foi quem mais sentiu impacto negativo com a entrada das faixas exclusivas. A velocidade média dos carros caiu de cerca de 30 km/h para menos de 25 km/h entre 6h e 8h.

Já após as 8h, os dados mostram que as faixas acabaram organizando melhor o trânsito dos carros. Entre 9h e 10h, na semana passada, mesmo com uma faixa de circulação a menos, os carros conseguiram desenvolver uma velocidade maior do que há um mês, sem as faixas exclusivas. A velocidade chegou perto dos 25 km/h, enquanto na terceira semana do mês passado ela não passava dos 20 km/h, na média.

A Prefeitura ainda não divulgou uma análise própria do comportamento do trânsito da cidade depois que as novas faixas exclusivas passaram a funcionar.

Mais faixas. Nesta segunda-feira, 30, a cidade ganhou mais três faixas só para ônibus, todas funcionando apenas no horário de pico. Na zona sul, uma é no corredor das Avenidas Domingos de Morais e Jabaquara. Outra é na Avenida Nossa Senhora do Sabará, na região de Interlagos. A terceira faixa fica nas Estradas do Imperador, de Mogi das Cruzes e na Rua Embira, na zona leste. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.