Epitacio Pessoa/Estadão
Epitacio Pessoa/Estadão

No 1º de Maio, Haddad anuncia aumento de 79% no piso do servidor municipal

Trabalhadores de nível básico terão reajuste de R$ 630 para R$ 1.132

Clarice Cudischevitch, Bruno Ribeiro e Mônica Reolom , O Estado de S. Paulo

01 Maio 2013 | 15h46

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), anunciou nesta quarta-feira, 1, aumento de 79,8% do piso salarial do serviço municipal durante a comemoração do Dia 1º de Maio organizada pela Força Sindical na Praça Campo de Bagatelle, na zona norte da capital.

O anúncio foi feito no palanque da Força. Haddad disse que faria um discurso "rápido" (durou menos de dois minutos) para em respeito ao trabalhador, que estava na praça, segundo o prefeito, para ver os shows e sorteios promovidos pelo sindicato.

Assista ao vídeo do discurso de Haddad:

O reajuste será para todos os trabalhadores de nível básico. O salário atual desses servidores é de R$ 630, portanto passará para R$ 1.132.

Mais cedo, antes do discurso, durante a abertura dos Jogos da Cidade, no Pacaembu (zona oeste), Haddad afirmou estar "satisfeito" com reajuste, sem explicar, no entanto, qual será o tamanho do impacto da medida nas contas públicas municipais.

"Fiquei muito satisfeito essa semana com a acordo que fizemos com os 37 sindicatos representados na nossa mesa de negociação. O servidor público de São Paulo, sobretudo de mais baixa renda, vai ter um aumento salarial significativo. O benefício imediato é para 60 mil servidores. Vai ter uma aumento linear para todo mundo, mas 60 mil, de um total de 150 mil servidores, são impactados diretamente por isso", disse o prefeito.

Mais conteúdo sobre:
prefeito salário trabalhador piso reajuste

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.