Nível do Cantareira fica estável em 12,1%

Na mesma data do ano passado, o volume armazenado nos reservatórios do sistema era de 63,7%

Fabiana Cambricoli, O Estado de S.Paulo

20 Abril 2014 | 14h31

Após apresentar queda de 0,1% no sábado, 19, o nível dos reservatórios do Sistema Cantareira se manteve estável em 12,1% neste domingo, 20, segundo informações divulgadas no site da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp). Na mesma data do ano passado, o nível registrado era de 63,7%.

Segundo as informações da companhia, embora tenha sido verificada uma pequena precipitação de 0,4 mm neste domingo, a chuva acumulada no mês, de 83,9 mm, ainda segue abaixo da média do mês, de 89,3 mm.

No Sistema Alto Tietê, o nível dos reservatórios também apresentou queda: caiu de 37,1% para 36,9%. No Sistema Guarapiranga, o índice ficou estável em 79,1%.

Plano de emergência. Mesmo com a previsão de possíveis cenários de escassez, nenhuma das principais bacias hidrográficas paulistas tem plano de contingência para eventos críticos como o vivido hoje pelo Sistema Cantareira, conforme reportagem publicada na edição deste domingo do Estado.

A constatação é do Plano Diretor de Recursos Hídricos da Macrometrópole, concluído em outubro de 2013 pelo governo do Estado. Segundo o documento, a necessidade de planejamento prévio para situações de emergência está prevista na lei federal da Política Nacional de Saneamento de 2007.

Mais conteúdo sobre:
sistema cantareirasecasabesp

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.