Nenhum PM foi punido por abuso em manifestações

A BBC Brasil revelou ontem que nenhum policial militar investigado por abuso em confrontos nos protestos realizados desde junho do ano passado, em São Paulo, foi punido. Segundo reportagem publicada no site da BBC, feita por meio da Lei de Acesso à Informação, a Corregedoria da Polícia Militar já abriu 21 inquéritos, desde o início da onda de manifestações, mas, de junho de 2013 até o dia 28 de janeiro, nenhuma investigação havia sido concluída.

O Estado de S.Paulo

20 Fevereiro 2014 | 02h01

O Estado entrou em contato ontem à noite com a Assessoria de Imprensa da Polícia Militar, que disse que não seria possível comentar o caso naquele horário e só poderia falar sobre o assunto hoje.

No ano passado, marcado pelos confrontos em manifestações, também cresceram as denúncias contra policiais militares no Tribunal de Justiça Militar. O aumento foi de 28%, de 2012 para 2013. Foram 75 casos a mais, puxados por acusações de lesão corporal e concussão (tirar vantagem pela função), segundo o Ministério Público Estadual, que resultaram em 341 processos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.