JOSE PATRICIO/ESTADÃO
JOSE PATRICIO/ESTADÃO

Nem drenagem resolve enchente na Vila Itaim

Quatro bombas, além de dois caminhões de 10 mil litros, trabalham 12 horas por dia para tentar desafogar a região

Felipe Resk, O Estado de S. Paulo

19 Fevereiro 2015 | 21h20

SÃO PAULO - A chuva deu trégua, mas os transtornos para os moradores da Vila Itaim, extremo da zona leste, persistem. Nem as bombas e caminhões, usados pela Prefeitura para tentar escoar a água acumulada, conseguiram evitar o terceiro dia de alagamento na região. Quatro bombas, com capacidade para drenar 80 l/s, além de dois caminhões de 10 mil litros, trabalham 12 horas por dia para tentar desafogar a região. “É só um paliativo. Com 10 milhões de litros acumulados aqui, você acha que resolve?”, questiona um agente da Prefeitura, que atua em alagamentos há mais de 30 anos. “É uma área de várzea do Rio Tietê. Ou o rio acalma ou não tem jeito.”

Apesar de visível, o recuo da água é lento. De acordo com a Defesa Civil, das 18 ruas afetadas, dez continuam com grandes pontos de alagamento. A estimativa é que cerca de 320 famílias foram atingidas. 

Segundo a Prefeitura, a previsão é que a água abaixe até o fim de semana, caso não volte a chover. “Arrisca até a gente perder o emprego”, diz a auxiliar de limpeza Clarice Oliveira, de 43 anos. Na Travessa Camboinha, onde mora, o córrego que deveria desaguar no Tietê está bloqueado pelo lixo. “Quando chove, vira mar.” Por causa do risco de doenças, também foi distribuído cloro para limpeza. 

O prefeito Fernando Haddad (PT) afirmou que a remoção de famílias na área submergível da Vila Itaim depende de uma obra do Departamento de Águas e Energia Elétrica (DAEE). Em nota, o DAEE informou que o piscinão “aguarda o reassentamento pela Prefeitura de 280 famílias” e o “projeto básico está pronto e foi entregue ao Município em 2013”. / COLABOROU CAIO DO VALLE

Mais conteúdo sobre:
Vila Itaim São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.