Negada liberação a taxistas de Bandeira 2 em dezembro

SMT argumenta que o atendimento ao pedido causaria ônus à população que utiliza os serviços

da Redação,

28 de novembro de 2008 | 20h14

A Secretaria Municipal de Transportes (SMT) indeferiu o pedido do Sindicato dos Taxistas de São Paulo, que solicitava a liberação da cobrança Bandeira 2 durante todos os dias da semana durante o mês de dezembro. Em nota distribuída na noite desta sexta-feira, 28, o Secretário Municipal de Transportes, Alexandre de Moraes, afirma que o atendimento ao pedido causaria ônus à população que utiliza os serviços dessa modalidade de transporte.  Dessa forma, a cobrança permanece inalterada. De segunda a sábado, vale a Bandeira 1 das 6h às 20h, que custa R$ 3,50 ,ais a tarifa de R$ 2,10 por quilômetro rodado.  A Bandeira 2 vale das 20 h às 6 h de segunda à sábado e o dia todo aos domingos. O valor cobrado tem o acréscimo de 30% sobre a tarifa quilométrica.

Tudo o que sabemos sobre:
transportessão paulotaxistas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.