Neblina leva aeroportos paulistas a operarem por instrumentos

Aterrisagens e decolagens foram realizadas com auxílio de aparelhos em função da visibilidade reduzida

Fabiana Marchezi, da Central de Notícias,

22 Junho 2009 | 09h59

A forte neblina que atingiu a Grande São Paulo na manhã desta segunda-feira, 22, levou os dois principais aeroportos paulistas a operarem com o auxílio de instrumentos.

 

Segundo informações da Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero), o Aeroporto Internacional de São Paulo, em Cumbica, Guarulhos, na Grande São Paulo, operou por instrumentos tanto para pousos quanto para decolagens e até as 8 horas, cinco das 39 operações programadas foram canceladas e duas atrasaram mais de meia hora.

 

No Aeroporto de Congonhas, na zona sul da capital, dos 32 voos previstos neste terminal, um atrasou e um foi suspenso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.