Clayton de Souza/Estadão
Clayton de Souza/Estadão

Navio de bandeira filipina derrama óleo no Porto de Santos

Trabalhos de limpeza continuam no casco da embarcação, defensa de amarração e estuário; volume de produto vazado ainda não pode ser precisado

Ana Paula Niederauer, O Estado de S.Paulo

06 Novembro 2017 | 15h52

Um navio de bandeira filipina derramou óleo bunker (combustível) no mar do Porto de Santos, litoral paulista, na madrugada do domingo, 5.

Segundo a Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp), o incidente ocorreu às 2h30, durante o abastecimento do navio Golden Trade II atracado no cais do Armazém 38, pela barcaça TWB-250.

Equipes da Codesp, Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama), a Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb)e a Capitania dos Portos de São Paulo compareceram ao local para investigação e acompanhamento dos trabalhos.

+++ Filhotes de macaco-prego são apreendidos em bagageiro de ônibus no interior de SP

Em nota, a Codesp informou que o Plano de Emergência Individual do terminal portuário da Caramuru, para o qual o navio estava operando, foi acionado por meio da empresa Hidroclean, com apoio da Ocean Safer e Alpinas Briggs, que tenta reduzir o impacto ambiental, utilizando barreiras de absorção.

Segundo o texto, os trabalhos de limpeza continuam no casco do navio, defensa de amarração e estuário, não sendo possível, ainda, precisar o volume de produto vazado. 

Duas inspeções realizadas nesse domingo e nesta segunda-feira, 6, nas regiões próximas de Conceiçãozinha, Ponta da Praia, Ponte Edgar Perdigão, Praia do Góes e Sangava ainda não encontraram vestígios do produto vazado. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.