VITOR SALERNO|DIVULGAÇÃO–7|5|2014
VITOR SALERNO|DIVULGAÇÃO–7|5|2014

Nação Zumbi e homenagem a Cauby são destaques no domingo

Banda pernambucana se apresenta na Praça Julio Prestes e disputa o mesmo horário com show em homenagem a cantor morto no último dia 15

Leandro Nunes, O Estado de S. Paulo

21 Maio 2016 | 18h29

SÃO PAULO - Após ser ocupado por artistas como Ney Matogrosso, Alcione e Baby do Brasil, o palco Julio Prestes recebe a banda Nação Zumbi, neste domingo, 22, para o encerramento da Virada Cultural. Às 18h de domingo, 22, a banda vai disputar o mesmo horário com o show em tributo a Cauby Peixoto, morto no domingo, 15. No palco da Praça da República, se apresentarão sua grande amiga Angela Maria, Agnaldo Timóteo, Fafá de Belém, Vânia Bastos e o cantor Ayrton Montarroyos (um dos finalistas do programa The Voice, de 2015).

Mais cedo, às 9h, Fafá de Belém sobe no palco Barão de Limeira com Mestre Solano, um dos criadores da guitarrada, gênero cultuado da música paraense. Com mais de 16 álbuns lançados, o músico mistura samba com bolero, brega e lambada. Às 13h, Genival Lacerda leva seus sucessos para o palco Arouche. Em seguida, às 15h, Criolo se apresenta no palco principal, mesmo horário que Erasmo Carlos canta no Teatro Municipal. 

As artes cênicas têm destaque no Vale do Anhangabaú com o projeto O Grande T de Teatro, que compõe uma grande instalação artística formada por labirinto em forma de ‘T’ com 30 metros de comprimento e 21 de largura. Às 14h e às 16h30, serão feitas intervenções artísticas com nove dramaturgos da cena atual paulistana. Às 15h, os artistas apresentarão cenas curtas. Entre eles, Alexandre Dal Farra, Silvia Gomez, Victor Nóvoa, Vinicius Calderoni e William Costa Lima. Os dramaturgos foram convidados a encontrar em sua própria obra ou num texto inédito, uma cena que falasse da atual São Paulo. Enquanto isso, o público também poderá brincar no labirinto durante a Virada. 

Para quem deseja se exercitar, às 11h, o Sesc Belenzinho vai oferecer aula de patins em um clima de anos 1908. Dentro de um domo com projeções e músicas que remetem à época, o público tem a experiência de patinar com o modelo “quad” – com 4 rodinhas paralelas –, típico da década.

Às 12h30, os Irmãos Sabatino fazem suas acrobacias de cancã no palco do Parque Ibirapuera. A coreografia faz parte de uma dança francesa, sempre realizada por meninas, em passos extremos de sensualidade e acrobacias. No entanto, o palco composto por um clássico aparelho circense será ocupado por homens que executam movimentos e voos no trapézio. Em seguida, o palco é reservado para as crianças. Em Grandes Pequeninos, Tania Khalill e Jair Oliveira cantam canções compostas quando Isabela nasceu, o primeiro bebê do casal. O projeto aborda o universo mágico do amor em família. A experiência levou Jair a compor 12 canções que ilustram as variadas situações cotidianas.

Já no palco do Anhangabaú, Claudia Raia apresenta às 13h,  O Musical, em comemoração aos 30 anos de carreira. Com direção de José Possi Neto e texto de Miguel Falabella, a atriz e bailarina comemora sua trajetória profissional como estrela do teatro e da televisão.

Mais tarde, às 17h, Maria Rita ocupa o palco São João e o grupo peruano Afro Cumbia All Stars leva seu som que mistura elementos da música andina ao rock psicodélico para o palco Barão de Limeira. O grupo já se apresentou em 25 festivais e em países como França, Bélgica, Holanda, Inglaterra e Suíça. No ano passado, o grupo surpreendeu o público brasileiro em Porto, em Recife. O disco que tem em mãos é Tigres en Fuga, lançado no ano passado e que reúne um trabalho marcado pela percussão afro-latina de timbales e pelo contrabaixo elétrico. Eles trabalham ainda com duas guitarras elétricas e bateria.

Ainda às 17h, o jovem Liniker solta a voz no Sesc Pinheiros. Depois de viralizar na internet com as canções Zero e Louise du Brésil, o cantor e compositor apresenta o show Cru, enfatizando sua sonoridade cheia de groove, que conecta a black music e o soul à música contemporânea brasileira.

E as 17h30, o Coral da Cidade de São Paulo se apresenta, na Sala do Conservatório. O concerto traz a obra Lamentationes Ieremiae Prophetae, do compositor Thomas Thallis, da corte da dinastia Tudor.

DESTAQUES:

Fafá de Belém convida Mestre Solano

Quando: Domingo, às 9h 

Onde: Palco Barão de Limeira

Duda Brack

Quando: Domingo, às 11h

Onde: Palco Rio Branco

Genival Lacerda

Quando: Domingo, às 13h

Onde: Palco Arouche

Criolo 

Quando: Domingo, às 15h

Onde: Palco Julio Prestes

Erasmo Carlos

Quando: Domingo, às 15h

Onde: Teatro Municipal

Maria Rita

Quando: Domingo, às 17h

Onde: Palco São João

Afro Cumbia All Stars

Quando: Domingo, às 17h

Onde: Palco Barão de Limeira

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.