Na lapa, árvores contra entulho

Ponto viciado de descarte, calçada em esquina da Rua Coriolano ganha arbustos e floreiras

Luiz Guilherme Gerbelli, O Estado de S.Paulo

28 de maio de 2010 | 00h00

Na esquina das Ruas Coriolano e Jeroaquara, na Lapa, zona oeste, o que os moradores e comerciantes mais querem é que os arbustos recém-plantados consigam florescer. A revitalização do local, com a plantação de pequenas árvores na calçada, foi a maneira escolhida por eles para que a região deixe de ser ponto de descarte ilegal de entulho.

Cansados de esperar por uma ação da Prefeitura, os moradores decidiram levar a obra, de R$ 4 mil, adiante. Os custos serão divididos entre uma empresa de reparos e manutenção de veículos e um morador.

Por cinco anos, o cruzamento das duas ruas foi ponto de entulho. O lixo era tanto que o aposentado Paulo Maria Ribeiro, de 65 anos, não conseguia abrir a porta de sua casa em alguns dias. "Quase todo o dia vinha algum carroceiro jogar lixo aqui", diz ele, que pagará metade da obra. Segundo Ribeiro, a Subprefeitura da Lapa retirava o material acumulado, mas na noite seguinte alguém fazia novo descarte.

Agora, a calçada deve receber quatro arbustos, além de uma floreira de cimento. A subprefeitura orientou a reforma e doou três placas que serão afixadas no local informando que o descarte ilegal de entulho é considerado irregular e crime ambiental. A Subprefeitura da Lapa se comprometeu também a reformar guias e sarjetas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.