Nº de cursos sem avaliação passa de 26,6% para 1,8%

Para o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, o aumento na quantidade de cursos com desempenho insatisfatório envolve a diminuição no número de cursos sem conceito. Em 2009, 26,6% dos cursos avaliados não apresentaram nota final, pela não formação de turmas ou boicote dos estudantes. A quantidade de cursos sem conceito diminuiu para 1,8% na edição de 2012.

O Estado de S.Paulo

08 de outubro de 2013 | 02h07

O próximo Enade vai ser aplicado no dia 24 de novembro. Deverão participar da próxima edição da prova cerca de 200 mil estudantes de 4.916 cursos da área de ciências de saúde e agrárias. Pela primeira vez, a Universidade de São Paulo (USP) participará em caráter experimental da prova federal, ainda que em caráter amostral.

Para evitar o boicote de estudantes, o Ministério da Educação também vai passar a exigir que os estudantes que sejam submetidos ao exame fiquem pelo menos uma hora na sala de prova durante a aplicação. /R.M.M.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.