Divulgação
Divulgação

Músico morre ao tentar resgatar instrumento

O músico Danilo Brauner Jaques, de 28 anos, foi o único integrante da banda Gurizada Fandangueira vitimado pelo incêndio que ocorreu enquanto o conjunto se apresentava, na madrugada de ontem, na boate Kiss, em Santa Maria. A morte de Jaques foi confirmada por um primo dele, que pediu para não ser identificado.

Caio do Valle - O Estado de S.Paulo, O Estado de S.Paulo

28 Janeiro 2013 | 02h02

Por telefone, o familiar afirmou que relatos de testemunhas da tragédia indicam que Jaques teria conseguido escapar do fogo e da fumaça, mas voltou para a casa noturna para resgatar sua sanfona. E não conseguiu sair de novo. Ele tinha carinho pelo acordeão. Na internet, havia publicado uma foto do instrumento com a inscrição "minha criança".

Sua tia Isolda Brauner disse por telefone ao Estado que Jaques era solteiro e, além de sanfoneiro, era dono da DB Som, empresa de locação de estruturas, som e luz para eventos. Amigos dele são empregados da empresa, que faz a intermediação para contratar shows da banda.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.