JF DIORIO/ESTADAO
JF DIORIO/ESTADAO

Muro da Av. 23 de Maio é pichado com provocação a Doria

Infrator já havia pintado o mesmo local em janeiro; Prefeitura pretende multá-lo como reincidente

O Estado de S. Paulo

23 Março 2017 | 01h02

SÃO PAULO - Muro da Avenida 23 de Maio sob o viaduto Vergueiro, na zona sul, foi pichado na noite dessa quarta-feira, 22, com provocação ao prefeito João Doria (PSDB). O autor, que já havia pichado o local em janeiro, logo após a pintura do muro de cinza, foi detido.

A Prefeitura pretende multá-lo como reincidente. A Guarda Civil Metropolitana vai tentar usar as fotos da época como prova de que ele repetiu o crime. 

De acordo com a lei aprovada pela Câmara municipal e sancionada por Doria em fevereiro, a multa é de R$ 5 mil tanto para pichadores quanto para comerciantes que venderem tinta spray a menores de 18 anos de idade. Em caso de reincidência a multa é aplicada em dobro.

Junto do infrator, também foi encaminhado à Polícia Civil outro homem, que filmava a ação. A ocorrência foi registrada no 78.º DP (Jardins). 

Em janeiro, a gestão Doria pintou grafites da 23 de Maio de cinza, o que criou polêmica entre grafiteiros. Depois, o prefeito anunciou que faria jardins verticais nos muros da avenida. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.