Mundo Urbano

Na Indonésia, cemitério de luxo recebe até casamentos

Iuri Pitta, O Estado de S.Paulo

04 de julho de 2010 | 00h00

Às 8 horas de uma quarta-feira, um milionário industrial da Indonésia sai de casa para nadar e correr. Seria uma cena comum, não fosse o local escolhido para as atividades físicas o cemitério mais luxuoso do país asiático.

Com área equivalente a 464 campos de futebol, o San Diego Hills Memorial Park é inspirado em cemitérios dos Estados Unidos - incluindo o local onde estão os restos mortais de Michael Jackson -, mas superou seus modelos. Além de piscina e pista de cooper, o cemitério tem restaurante, um lago artificial para passeios de barco a remo e heliponto. Há até espaço para festas de casamento.

O local foi aberto há três anos, aproveitando o aumento do poder aquisitivo da população, em especial das classes mais altas. De 2007 para cá, 14 mil jazigos foram vendidos.

O sucesso da iniciativa pode ser avaliado pelo preço dos jazigos. Os mais simples, com capacidade para um só corpo, custavam US$ 400 e hoje não saem por menos de US$ 1 mil. E, como os hotéis de luxo, o cemitério tem jazigos especiais: um dos mais caros foi vendido recentemente por US$ 872 mil.

Parque dos dinossauros

Construído para a Olimpíada de Pequim, o Estádio Ninho de Pássaro será o Parque dos Dinossauros no verão chinês. As atrações do Dino Dream Park incluem réplicas em tamanho real, como a do tiranossauro

MÚSICA URBANA

Havia um piano no meio da rua

Toda semana, o inglês Luke Jerram via as mesmas pessoas em uma lavanderia, sempre em silêncio. Um dia, resolveu levar um piano, começou a tocar e viu a interação entre elas.

Veio daí a inspiração para o projeto Play Me, I"m Yours. Jerram leva até 60 pianos para as ruas de uma cidade e deixa os instrumentos à disposição de quem quiser tocar. O tour por Nova York acaba amanhã e Londres é o próximo destino do projeto, que passou por São Paulo em 2008, em locais como o Parque do Ibirapuera e a Praça da Sé. NYT

DIVERSÃO

Uma escorregada a caminho do trabalho

Ações de marketing viral podem ser uma grande brincadeira. Que o digam os alemães de Berlim, que encontraram um grande escorregador em uma escada da estação de metrô sob a Praça Alexander. A ação da Volkswagen, foi batizada de Fast Lane e pode ser vista no YouTube. Alguém se habilita a fazer o mesmo na Estação Sé?

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.