Reprodução
Reprodução

Mulher leva 6 tiros e é atropelada em supermercado; ex é suspeito

Uma cliente também foi atingida durante a ação no estacionamento do estabelecimento no interior paulista

Rene Moreira, Especial para O Estado

26 Abril 2017 | 17h21

Duas mulheres foram baleadas na noite desta terça-feira, 25, no estacionamento de um supermercado em Franca (SP). Uma das vítimas, Juliana Proença, de 36 anos, levou seis tiros e ainda foi atropelada. O ex-marido dela é apontado como autor dos disparos. 

O suspeito, Donizete Luís de Pádua, ainda atingiu com um tiro uma cliente que chegava ao supermercado. As duas vítimas estão internadas em hospitais da cidade. Já o atirador, que passou com o carro sobre o corpo da ex durante a fuga, é procurado pela polícia.

O delegado Márcio Murari contou que deverá requisitar a prisão dele na Justiça. O suspeito trabalha como caminhoneiro e nas imagens do circuito de vídeo do supermercado aparece perseguindo a ex-mulher e atirando à queima-roupa ao vê-la cair no chão. Três dos tiros acertaram a cabeça da vítima, que está em estado grave.

O casal manteve um relacionamento por mais de 20 anos, mas a mulher teria resolvido se separar por causa das agressões por parte do companheiro. 

 

Mais conteúdo sobre:
Franca Justiça

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.