Mulher escapa de tiros durante assalto em posto de gasolina na zona norte

Dupla, numa moto, danificou a porta do Renault Logan da vítima e atirou ao não conseguir abri-la

estadão.com.br,

13 de junho de 2012 | 04h15

SÃO PAULO - Uma secretária de 62 anos escapou de ser baleada, por volta das 21 horas de terça-feira, 12, após ser abordada por dois homens, que ocupavam uma Honda XRE 300 vermelha, dentro do posto de gasolina BR localizado na altura do nº 3.200 da Avenida Imirim, na Vila São Roque, zona norte da capital paulista.

 

Armados, os dois bandidos, ambos de capacete, entraram no posto com a intenção de roubar o Renault Logan cinza da mulher e acabaram batendo contra a porta do veículo, que, danificada, não pôde ser aberta pelos criminosos. Irritado, um dos assaltantes atirou várias vezes contra a vítima, mas a proprietária do Logan saiu ilesa e testemunhou a dupla deixando o local a pé e roubando uma picape Ford Ranger vermelha que passava pela mesma avenida.

 

Já num bairro da mesma região, acionados por vizinhos de uma casa na qual um desconhecido tentou encontrar abrigo ao morador, policiais militares da 2ª Companhia do 47º Batalhão localizaram a Ford Ranger. Próximo à picape, estava um adolescente de 15 anos, que, ferido em um dos pés, era o mesmo que havia pedido ajuda aos moradores locais.

 

Levado ao 72º Distrito Policial, da Vila Penteado, o adolescente, que já tem passagem pela Fundação Casa (antiga Febem), mesmo confessando que participou da tentativa de roubo do Logan e do roubo da picape, segundo a PM seria liberado pela Polícia Civil, pois não foi reconhecido pelos proprietários do Renault, da picape e da moto, roubada no último dia 6 na Estrada do Corredor, no Jaraguá, zona norte.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.