Mulher é detida em SP ao tentar tirar visto americano com documentos falsos

Suspeita foi levada para a Delegacia Especializada em Atendimento ao Turista (Deatur)

estadão.com.br,

13 Março 2012 | 17h34

SÃO PAULO - Uma mulher de 36 anos foi detida na tarde desta terça-feira, 13, em frente ao Consulado Geral dos Estados Unidos em São Paulo, na zona sul da cidade, depois de apresentar documentos falsos durante entrevista para solicitação de visto.

Ela foi levada para a Delegacia Especializada em Atendimento ao Turista (Deatur). Ao ser questionada, a mulher disse que iria se encontrar com o marido que mora ilegalmente nos Estados Unidos há oito anos.

Segundo a polícia, ela disse que adquiriu os documentos por meio de um site na internet. Os agentes identificaram que o material foi emitido por uma agência especializada em fraude que está sendo investigada desde 2010. Estima-se que mais de 100 pessoas tenham utilizado os serviços da agência, que é sediada no Paraná e atua em todo o País.

A investigação sobre a quadrilha é conduzida em conjunto pela Polícia Civil de São Paulo, pelo Ministério Público Estadual do Paraná, pela Polícia Civil do Paraná e pelo Departamento de Segurança Diplomática (DSS) do Consulado dos EUA. Outras sete pessoas foram presas por envolvimento com o bando.

Mais conteúdo sobre:
consulados dos EUA visto

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.